Analise Bakuman - A Obra Part 1

julho 22, 2016 Thallison Albano 0 Comments



Escrito por Yan Alves

Quem nunca sonhou em ser mangaká (desenhista e muitas vezes roteirista de quadrinhos)? Desenhar realidades completamente fora da nossa cabeça ... Quem nunca se imaginou criando a próxima aventura de Goku (de dragonball... como se ninguém soubesse  não é ?), ou um novo jutsu para naruto ( do naruto... mais uma brilhante dedução), enfim ... Sonhar com isso é sempre muito bom.


Bakuman é um mangá escrito por Tsugumi Ohba e ilustrado por Takeshi Obata. Conta a história de dois garotos do 9º ano que querem se tornar mangakás. Os personagens principais incluem  Mashiro Moritaka que é um desenhista  e Akito Takagi, que é um roteirista. Os primeiros capítulos alternam situações de drama adolescente com informações sobre a história do mangá e sobre os aspectos técnicos da criação dos mesmos. Durante toda a produção há citações de várias séries de sucesso da Shonen Jump (da Shueisha). A segunda temporada do anime começou a ser exibida em outubro de 2011. A terceira foi transmitida no mesmo mês, em 2012....


É nesta pegada que Bakuman se baseia explorando este nosso desejo de saber a fundo o que é ser um mangaká. Podemos ter uma noção muito boa do dia-a-dia de uma editora de mangás japonesa,do modo que uma obra é publicada e como mantém sua longevidade e como é feita a aferição de sua popularidade entre o publico.

Sobre os  personagens principais, tanto  no mangá quanto no live-action ( filme com autores geralmente baseado em HQ, manga, livro, etc.), senti que Mashiro Moritaka  e Takagi Akito são um reflexo do leitor o tempo inteiro, se pudesse resumi-los em uma frase diria, ”Aquele meu sonho de me tornar mangaká criou vida própria” . E é justamente por este sonho... Essa fantasia que nós fãs desta forma de arte tão viva, que os personagens ganham ainda mais realismo fazendo com que possamos sentir na pele as emoções que nos são descritas e desenhadas.


Esta incrível obra foi escrita e desenhada pelos autores de Death Note (sim isso mesmo, pode esperar uma pegada mais intelectual com aqueles momentos em que o personagem fica bolando mil e uma estratégias diferentes). A obra foi desenhada por Takeshi Obata e escrita por Tsugumi Ohba.



Agora vamos realizar uma pausa, pois este post já tem informação demais! A próxima parte será postada em breve, espero que estejam gostando desta análise qualquer dúvida ou sugestão deixe um comentário, compartilhe nosso trabalho em suas redes sociais e claro não se esqueça de dizer sempre o que você achou do conteúdo.

Até a próxima pessoal!
Yan Alves.





Thallison Albano
Mineiro, 21 anos, poeta, aspirante a blogueiro, amante de mangás e cultura pop. Procura um sentido na vida e em sua existência. Viciado em musica alta e video-games.